O tal do VO2Max
nov22

O tal do VO2Max

Um dos parâmetros utilizados por técnicos e assessorias para elaboração das planilhas individualizadas são os Limiares Metabólicos. Para determinar estes limiares e o VO2Max de um individuo o método utilizado é o Teste Espiroergomético. Trata-se de um exame clinico onde o atleta é submetido a um teste de esforço em esteira, e são monitorados em conjunto a frequência cardíaca, a capacidade pulmonar, pressão arterial, entre outros...

Read More
Fortalecer, depois correr!
nov20

Fortalecer, depois correr!

Como sabem comecei a correr sem pretensão nenhuma, mas depois que tomei gosto nunca mais parei… – Calma, parei sim! Meus treinos eram intensos desde a metade de 2011, a meta era atingir o sub 40′ nos 10K (nessa época provas nessa distância eram minhas preferidas) e eu perseguia a bendita marca com total determinação. Meu primeiro sub 40′ oficial foi no Circuito das Estações Adidas – Etapa Verão no final...

Read More
Better Your Best
nov15

Better Your Best

Sempre achei a Nike imbatível nas campanhas de incentivo ao esporte… mas desde que comecei a olhar a Asics mais de perto venho me surpreendendo. Eles são muito criativos, e tem uma pegada mais “caveira” quando te chamam pra correr. Um exemplo do que quero dizer pode ser visto nesse vídeo, da campanha Better Your Best, que propõe a uma pessoa comum correr como Ryan Hall, maratonista de elite patrocinado pela marca. Dá...

Read More
Circuito Athenas
nov10

Circuito Athenas

Já disse que depois do revezamento a meia maratona é minha modalidade de prova preferida, desde que comecei a correr já participei de quase 20 e até hoje fico ansioso na noite anterior. Nesse domingo, mais que fazer uma boa prova tinha uma missão de responsa: ser pacer do meu brother Daniel Machado. No final de julho na Golden Four Asics SP ele fechou os 21K em 1h38m… e dessa vez a meta era fechar abaixo de 1h35. Levando em...

Read More
Jawbone Up
nov05

Jawbone Up

Desde o mico homérico da PowerBalance, sempre que escuto falar de pulseiras milagrosas fico com o pé atrás. Ok, eu acreditei que a PB funcionava mesmo, estávamos no calor da Copa 2010, com todos os jogadores usando a bendita pulseira, na NBA idem, no surfing, skateboarding, enfim, dei R$ 150 naquele pedaço de borracha porque o raciocínio era óbvio: “Se estes caras usam, é porque funciona!” Ok cara pálida, o tal selo...

Read More