Definição de Corredor

Você começa a correr porque acha legal, porque aquela(e) paquera corre, pra emagrecer, ou por N motivos…

Nos primeiros meses mais da metade dos que começaram desistem, mas os que ficam começam a tomar gosto. Neste momento você já curte o barato de correr, quando corre se sente bem e quando quer fazer algo legal adivinha qual a primeira coisa que vem na mente?

Não demora muito para a primeira prova, 5 ou 10K… o tempo ao cruzar a linha de chegada não importa, só de completar você se sente o máximo, a primeira medalha tem um sabor especialíssimo!

As provas começam a se tornar frequentes, e um porta medalhas decora a parede do seu quarto. Nesse momento você está viciado, literalmente. Faz algum investimento em equipamentos específicos, tênis para o seu tipo de pisada, roupas de tecido tecnológico, e as inscrições para as provas tomam o lugar da comanda do barzinho.

Como em todo vício, o barato começa a passar rápido… você precisa de doses mais fortes. Dos 10K para as 10 Milhas é um pulo, e pra Meia Maratona não leva muito tempo. Você aumenta a distância e acha muito louco, baixa o tempo no curto/médio e mete a pancada nas provas.

Parte dos seus amigos te acham um chato(a) porque você sumiu da balada na sexta a noite e no sábado às 6h dá o Start no Garmin… você não ouve mais “Bom Dia!”, ouve “Beginning Workout!”

Seus ídolos não são mais cantores famosos, atores, empresários… são os atletas consagrados! Você começa a pensar em qual seria o seu limite, começa a duvidar se existe mesmo esse negócio de limite…

Corre uma Maratona, acha pouco! Corre uma ultra, é pouco também! Descobre a fórmula secreta da corrida: Amar os treinos e se apaixonar pelas provas!

Não, você não é mais viciado… essa fase passou, agora você corre porque ama, porque esta apaixonado(a) e é irreversível… parabéns, agora você é um corredor.

Um abraço e bons treinos!

Author: Cleber Pereira

Share This Post On